Conheça nossos Seguros Comerciais

Faça uma simulação

x

A História de Massachusetts em 6 pratos

Cada cidade, estado ou região tem sua particularidade. Conhecemos de cor o prato típico de onde a gente nasceu ou da cidade da nossa família, até mesmo da cidade que costumamos visitar desde criança. 

Porém, requer experiência, tempo e vivência para que a gente consiga identificar e reconhecer o prato típico de algum lugar. 

Você, que chegou em Massachusetts há pouco tempo, já sabe quais os pratos típicos daqui? Já consegue identificar e nomear as comidas que representam o estado? 

Para garantir que estamos te passando as informações certinhas, resolvemos trazer a lista feita por Kara Baskin, especialista e colunista que fala sobre comida (boa) em diversos meios de comunicação dos EUA, além de nascida e criada na cidade de Boston.

Essa lista foi publicada no site do Anthony Bourdain, Parts Unknown, em 2018. 

Como ela mesmo disse, numa infinidade de opções alguns pratos se destacam entre os demais. Alguns podem discutir sobre quem os faz melhor, mas não há dúvida, mas esses seis pratos são ícones.

Abaixo a lista dos seis pratos com o texto de Kara, na íntegra, com alguns comentários extras para facilitar a compreensão. 

Baked Beans de Boston – Feijões assados

Como a maioria das crianças de Boston, cresci comendo feijão. Jantar fácil de sexta à noite? Frangos e feijão. Churrasco? Sempre havia uma tigela de feijão cozido na mesa de piquenique ao lado das batatas fritas.

Ricos e carregados de melaço, feitos com Navy Bean (um tipo de feijão branco, típico de Boston), às vezes com cubinhos de carne de porco salgada ou cebolas macias, são uma iguaria nativa e um gosto que se cria com o tempo. Meu marido, de Connecticut, se recusa a comer as criaturinhas túrgidas. Mas eu amo.

O mesmo fizeram os nativos americanos, que cozinhavam feijão muito antes da chegada dos peregrinos. O prato se tornou ainda mais popular quando Boston começou a exportar rum em 1700, popularizando um de seus principais ingredientes: o melaço.

Hoje, o Persy’s Place, um humilde local de café da manhã e almoço com unidades em Cape Cod, serve os melhores grãos de Massachusetts. Peça os bolos de peixe acompanhados de feijão assado de Boston. Picantes, temperados e espessos, eles escorrem em uma poça marrom, suavizando o bolo de peixe em um doce ensopado de alegria farinhenta. O site do Persy observa que “nos dias coloniais, os grãos eram tradicionalmente cozidos durante a noite aos sábados em um pote de feijão na lareira de um forno de tijolos e depois servidos como uma refeição quente nas manhãs de domingo”. O restaurante ainda usa um tradicional “beanpot” (um pote fundo e de gargalo curto), embora em um forno moderno, para obter aquele sabor defumado.

Ah, e só uma coisa: nunca, nunca chame Boston de “Beantown”. Esse tipo de coisa é reservada para pessoas de fora da cidade que tentam escrever histórias de viagem fofas e não rendem nada além de desprezo. (Dica para você parecer local!)

Boston Cream Pie – Torta Creme

A sobremesa oficial do estado de Massachusetts é como o monstro de Loch Ness dos doces nativos. Você ouve muito sobre isso, alguns afirmam vê-lo, mas cheira a ser algum tipo de mito.

O sofisticado hotel Omni Parker House de Boston reivindica a criação da sobremesa, que é mais um pão de ló do que uma torta, na verdade, com camadas de creme cremoso e cobertura de chocolate. O hotel Parker House original, inaugurado em 1856, começou a fazer o prato encharcando o pão de ló na cobertura de chocolate. Foi um sucesso. O restaurante do hotel, Parker’s, ainda vende o bolo, assim como a loja de presentes.

A cobertura é firme e rica; o bolo é mole e denso. É a sobremesa mais inovadora ou incomum do mundo? Não. Mas é direto e satisfatório – uma metáfora para a própria Boston.

Fried Clams – Mariscos Fritos

Massachusetts é famosa por seus frutos do mar: ostras, rolinhos de lagosta, haddock. Mas mariscos fritos, escarpados e doces, são uma indulgência gulosa de verão que tem um gosto tão bom, mas pode doer – depois de uma certa idade, as montanhas de frituras ficam difíceis de escalar.

Segundo a lenda, Lawrence “Chubby” Woodman, proprietário do Woodman’s of Essex, fritou seu primeiro marisco em 1916 por sugestão de um amigo. Foi um sucesso, e hoje o Woodman’s é referência no North Shore.

Peça seus mariscos fritos empilhados com batatas fritas e anéis de cebola. As barrigas ficam em suas battery jackets até que você as perfure com os dentes. Então squish! Um balão saltitante doce e salgado explode em sua boca. Mergulhe-o em molho tártaro para uma camada de umami e brilho gorduroso.

Marshmallow Fluff 

Imagine uma massa branca grudenta espalhada na manteiga de amendoim de sua escolha, selada com pão esponjoso Wonder. É uma fantasia de refeitório da escola. Esta é a Fluffernutter, um lanche clássico do meio-dia para muitas crianças de Massachusetts. Até os adultos se emocionam com a visão do gigantesco vidro Fluff branco e azul, selada com um tampa vermelho-cereja.

A gosma pecaminosa — uma mistura batida de xarope de milho, xarope de açúcar, clara de ovo desidratada e baunilha — foi inventada em Somerville por Archibald Query, que a fazia em sua cozinha e a vendia de porta em porta, de acordo com a história contada. Ele teria vendido sua fórmula para empresários locais H. Allen Durkee e Fred L. Mower, que então o produziram em uma fábrica em Lynn. Sempre empreendedores, eles até patrocinaram o programa de variedades de rádio Flufferettes por um tempo, no qual anunciavam seu produto.

Atualmente, a Union Square de Somerville hospeda um festival anual de petiscos com tema Fluff, como caramelo de marshmallow, popovers e até empanadas. E o Gracie’s Ice Cream na praça serve cones de Fluffernutterbutter – sorvete de manteiga de amendoim com um redemoinho Fluff.

Doughnuts de Cidra

Nada como eles no outono: rechonchudos, fartos e às vezes cercados de açúcar de canela que gruda nos lábios como uma gaze de sacarina outonal. Massachusetts é repleto de pomares de maçã, e você pode encontrar rosquinhas de cidra em quase qualquer pomar que valha o sal (ou açúcar) em setembro. A Donut Corporation of America, em Nova York, supostamente fez as primeiras versões desses doces na década de 1950. Mas com o tempo eles se tornaram um deleite distintamente de Massachusetts.

Atkins Farms, em Amherst, serve os melhores. Este excelente mercado rural de New England abriu em 1887 como um pomar e cresceu para uma loja de varejo na década de 1960, especializada em geleias e compotas de maçã. Em 1972, a família Atkins começou a fazer doughnuts (rosquinhas) de cidra de maçã. Os quentinhos quitutes vindos do céu são geralmente vendidos em porções de seis.

A loja está situada no meio da área de Five College, sede das faculdades da Universidade de Massachusetts e Amherst, Hampshire, Mount Holyoke e Smith. É um rito de passagem para os alunos parar aqui para comer rosquinhas, tortas e cidra nas manhãs preguiçosas de domingo quando as folhas começam a virar.

Se quiser encontrar outras opções para comer doughnuts com cidra no outono, confere o nosso texto sobre 5 atividades para fazer ao ar livre no outono em MA.

Frappes da Herrel, 1973

Em qualquer outro lugar é um milkshake. Aqui é um frappe – uma espuma pastosa de leite, calda e sorvete, muitas vezes servida em recipientes de metal, despejada em um copo curvo como lava derretida. Os nativos de Massachusetts comem (e bebem) sorvete o ano todo: de butiques, barracas de beira de estrada, lanchonetes. Mas os melhores e mais espessos frappes estão no Herrell’s em Northampton.

A Herrell’s foi fundada em 1973 por Steve Herrell, o cara responsável pela Steve’s Ice Cream em Somerville, que já foi uma instituição local. Herrell foi pioneiro no uso do que poderíamos chamar de “mix-ins” hoje – o doce que é esmagado em sorvete.

O Steve’s virou folclore, mas o Herrell’s ainda prospera no porão do Thornes Marketplace, um adorável bazar independente de livrarias, cafés, vendedores de velas e massagistas de corredor no centro de Northampton. E seus frappes são sublimes: eles conseguem temperar sabores clássicos, como framboesa preta, com mix-ins de fora, como poppers jalapeño. Todos bebíveis.

Steve não inventou o frappe, mas o aperfeiçoou.

Conheça nossos Seguros Comerciais

Faça uma simulação

Posts relacionados

>Quais seguros um removedor de neve deve ter?
Quais seguros um removedor de neve deve ter?

Se você é removedor de neve, você conhece muito bem os riscos que corre no dia a dia. Conheça os seguros que protegem o seu negócio.

>Como Montar um Kit de Emergência de Inverno para o seu Carro?
Como Montar um Kit de Emergência de Inverno para o seu Carro?

Emergências podem acontecer com qualquer pessoa. Prepare-se para o pior cenário (especialmente no inverno), mantendo os seguintes suprimentos em seu carro!

>O que é World AIDS Day?
O que é World AIDS Day?

Você sabe o que é o World AIDS Day? Te explicamos como a data surgiu e como já afetou o conhecimento e a forma do mundo lidar com o vírus.

\

Vem pra nossa comunidade

Somos uma seguradora feita de pessoas para pessoas. Uma comunidade que fala a mesma língua, de gente de olho no futuro. Um lugar feito pra você se sentir em casa, com toda a proteção e cuidado que um lar oferece. Pode chegar.

Simulação Rápida