Conheça nosso seguro auto

Faça uma simulação

x

Bati o meu carro e agora? Como chamar o seguro?

Você acorda de bom humor, toma seu café, entra no seu carro cantarolando uma música que você gosta, tudo leva a crer que seu dia vai ser ótimo, até que… você se envolve em um acidente de trânsito! E AGORA? 

Ok, now what?

Isso não precisa acabar com seu dia! É só acionar o seguro, certo? Quase isso, abaixo vamos dar o passo a passo para você acionar o seguro na hora certa e do jeito certo! 

  1. Estão todos bem?

Parece até bobo lembrar, mas cada um reage de uma forma ao stress de um acidente. Então, certifique- se que você, os seus passageiros e os ocupantes do outro(s) carro(s) estão bem. 

Se houver suspeita de qualquer tipo de lesão, chame o 911 imediatamente. 

  1. Registre tudo!! 

Depois de confirmar que estão todos bem e seguros, parta para o trabalho de repórter investigativo! Documente e registre tudo que considerar relevante; tire fotos dos carros, da rua, dos pneus, dos retrovisores, de cada arranhão e amassado que puder. 

Aproveite os recursos do seu smartphone sempre à mão (tenho certeza!) e tire fotos, faça vídeos, o que você encontrar para documentar o máximo de dados possível, essas coisas SEMPRE ajudam.

Não só do seu carro, viu? Esses registros podem ajudar a te proteger de algum eventual processo e a evitar qualquer injustiça. 

Tire fotos!
  1. Hora de acionar o seguro!

Chegou a hora de acionar o seguro! Nesse caso temos duas situações possíveis:

  1. A culpa é sua
  2. A culpa é do outro motorista

Quando falamos de culpa é irrelevante se foi intencional, o que aconteceu e como aconteceu o acidente. Nessa hora, é importante identificar o causador dessa colisão porque precisamos saber qual seguro será acionado. 

A culpa é sua: 

  • Não dificulte! Passe todos os seus dados e documentos do carro para o outro motorista. 
  • Reporte o sinistro para a seguradora ou tenha uma agência de seguros que cuide disso para você. Se você for cliente BRZ é só mandar uma mensagem que a gente resolve! 

A culpa é do outro motorista:

  • Colete todos os dados e documentos necessários. Peça carteira de motorista, licença do carro… Anote, fotografe, tenha tudo registrado de forma segura. 
  • Exija o uso do seguro do motorista responsável pela colisão, assim, você não acionará o seu seguro e esse chamado não constará no seu histórico. Isso te permite uma negociação melhor na renovação do ano que vem.
  • Caso não entrem em acordo sobre a culpa do acidente, pode valer a pena acionar o seu seguro, já que diminuem os intermediários e o processo será mais rápido. Incluindo a liberação de carro reserva, se for necessário.
  • Verifique se os carros estão funcionando, se estiverem, defina uma oficina, aka body shop, de sua confiança. De lá, eles mesmo registram o reparo direto com o seu seguro. 
  • Se precisarem de guincho você tem duas opções: ele pode estar incluso nos serviços da oficina escolhida ou você contrata um guincho por fora. GUARDE O RECIBO e peça reembolso para o seguro. Liga na BRZ e te ajudamos nessa solicitação! 😉

Outros pontos importantes

  • CASO haja algum crime nesse acidente, como danos ao patrimônio público, alguém machucado, motorista alcoolizado, fuga do local do acidente, ou algo do tipo, SEMPRE chame a polícia! 

Não corra riscos! 

  • O seguro padrão só cobre despesas de terceiros, para que seu carro entre na cobertura do seguro você precisa contratar um seguro TOTAL e buscar uma franquia que encaixe no seu orçamento. Sabe quem pode te orientar para escolher a melhor cobertura? Isso mesmo! Um agente BRZ! 
  • SEMPRE FALE A VERDADE! Eu sei que não parece necessário fazer essa ressalva, porém, na hora do susto, nunca se sabe… Fique atento aos detalhes e registre tudo muito bem. As seguradoras são bem rigorosas nas análises e caso algum dado seja suspeito, o processo pode ser classificado com fraude e o pagamento não ser aprovado. 
Se liga!

E se eu me envolver em um acidente sozinho? 

É comum bater o carro sozinho, uma distração e já era. Além das chances do seu carro sofrer um acidente sem a sua participação efetiva, como um parabrisa quebrado por uma pedra na estrada. 

Diante disso, como proceder? 

O passo a passo é parecido aos acidentes com mais carros. Identificando a necessidade de acionar o seguro, você aciona a cobertura comprehensive.

Essa cobertura existe justamente para isso, para cobrir danos por incêndio, vandalismo ou queda de objetos (como uma árvore ou granizo) e outras situações que não se encaixam em colisão. 

Waiver of Deductible 

A BRZ recomenda fortemente que seja adicionado o endosso Waiver of Deductible na sua apólice de seguro auto. E o que é esse endosso? Traduzindo o termo, waiver of deductible nada mais é que isenção de franquia. 

E em que situação você é beneficiado por esse endosso? Digamos que bateram no seu carro e assumiram a culpa, se esse motorista tiver seguro suficiente, a cobertura de liability cobrirá os custos de reparos do seu carro. 

Se, no entanto, o motorista for um dos aproximadamente 32 milhões de americanos que dirigem sem seguro, ele possivelmente não terá condições de pagar pelos reparos. Isso o obriga a pagar o valor em dólares de sua franquia quando você fizer um registro de colisão. 

As isenções de franquia por colisão são projetadas para lidar com esse cenário. Ao adicioná-la a sua apólice, você está essencialmente adquirindo mais paz de espírito nas estradas. 

Você vai pagar um pouco mais antecipadamente, mas nada demais, algo entre 5 e 10$ adicionados no valor mensal do seu seguro e garantir que não vai ficar no prejuízo independente de quem você encontrará em seu caminho! 

Na BRZ as coberturas para parabrisas e janelas são sempre pensadas para isenção total de franquia!

YEY!

Estamos sempre torcendo para que nada aconteça com você, mas como não podemos controlar essas coisas, estamos aqui para garantir sua segurança e sua conta bancária! 

Antes que aconteça alguma coisa, venha falar com a gente para encontrar o melhor seguro para você e se acontecer, segue o passo a passo acima e fique tranquilo. 

Conheça nosso seguro auto

Faça uma simulação

Posts relacionados

>5 Mitos e Verdades sobre Seguros nos EUA
5 Mitos e Verdades sobre Seguros nos EUA

Existem muitos mitos e verdades quando falamos sobre seguro nos EUA. Saiba o que é fato e o que é boato e se proteja com conhecimento e propriedade.

>ITIN: o que é e pra que serve?
ITIN: o que é e pra que serve?

ITIN é um documento fundamental para a sua organizar sua vida burocrática e financeira nos Estados Unidos. Não sabe o que é? Vem com a gente!

>Você sabe o que é REAL ID?
Você sabe o que é REAL ID?

REAL ID é uma carteira de motorista que também é aceita como documento de identidade pelo governo federal. Saiba como fazer a sua.

\

Vem pra nossa comunidade

Somos uma seguradora feita de pessoas para pessoas. Uma comunidade que fala a mesma língua, de gente de olho no futuro. Um lugar feito pra você se sentir em casa, com toda a proteção e cuidado que um lar oferece. Pode chegar.

Simulação Rápida