Conheça nosso seguro de Casa

Seguro de Casa

x

Como vender sua casa rapidamente e pelo melhor preço

Você faz parte do seleto time de imigrantes que conquistou o sonho da casa própria nos EUA? Você está em um grupo ainda mais seleto que quer vender a própria casa? E nada melhor que vender a sua casa no menor tempo e pelo maior valor possível, não é mesmo?

Infelizmente, vender uma casa não se trata apenas de anunciar e aguardar os compradores batendo em sua porta. Antes de começar, é muito importante se preparar para que você consiga obter um lucro que justifique a venda do seu imóvel.

Reunimos dicas super valiosas do que você pode fazer para vender sua casa pelo maior valor e no menor tempo possível.

Por onde começar?

Contratar um corretor de imóveis local de primeira linha é um ótimo ponto de partida, vamos colocar essa como dica 0 (zero) chegando antes de qualquer dica que podemos dar. Um bom corretor de imóveis conhece cada etapa do processo de venda, que pode ser traiçoeiro, e pode te ajudar a atravessar essa empreitada com muito mais tranquilidade.

É um pouco intimidador entrar no mercado como vendedor, e não seguir a estratégia certa pode impedir que sua casa seja vendida ou pelo menos, que seja vendida pelo preço que você gostaria de receber. 

O que fazer para garantir uma venda rápida e com bom lucro?

1- Defina o preço como um profissional, não como um imitador: 

Esqueça o preço das casas da vizinhança (pelo menos de primeira). Faça uma avaliação séria e só depois analise a fundo as comparações de mercado, considerando o tamanho, as condições, as reformas e as tendências locais. Pense estrategicamente. Se possível, faça um preço ligeiramente abaixo de vendas recentes semelhantes, mas sempre deixando margem para negociação. A experiência local de seu agente pode ser sua arma secreta aqui – use-a!

2- Encene aquela cena de tirar o fôlego: 

Você já entrou em um anúncio do Airbnb e desistiu da casa pelas fotos? É foto com o varal de chão aberto no meio da sala, louça secando na pia, armários abarrotados de roupa. Ou até mesmo parecia arrumado, mas você não conseguiu entender o tamanho do quarto ou onde fica o banheiro porque as fotos foram tiradas em péssimos ângulos. Então, o mesmo vale para vender a sua casa. 

Imagine sua casa como a casa mais incrível da cidade. Organize, limpe e despersonalize para criar uma tela em branco para os sonhos dos compradores. Faça uma limpeza profunda como um super-herói, fazendo com que todas as superfícies brilhem e os pisos reluzam. 

Faça boas fotos, contrate um profissional, se necessário. Lembre-se, as primeiras impressões são importantes! Destaque os principais recursos: coloque aquela lareira aconchegante para dar um toque de inverno, deixe a luz dançar em sua cozinha bem iluminada e mostre seu espaço ao ar livre bem cuidado.

3- Transforme a sua casa no desejo dos compradores:

Faça com que sua casa seja a mais bela do quarteirão antes mesmo dos compradores entrarem. Pinte a porta da frente, apare a grama e dê mais vida a ela com vasos coloridos e plantas vivas e vistosas. 

Conserte a pintura lascada, as rachaduras e limpe as calhas – pequenos reparos são muito úteis e valorizam bastante o valor de compra. Considere atualizar a entrada com uma iluminação elegante, um tapete de boas-vindas ou uma caixa de correio decorativa. 

Lembre-se de que você está vendendo um estilo de vida, não apenas tijolos e argamassa.

4- Comercialize como um contador de histórias: 

Boas histórias engajam, chamam atenção e emocionam. Fotos de alta qualidade são seu ato de abertura – torne-as impressionantes! Mostre a beleza e os recursos exclusivos de sua casa com fotos de nível profissional. 

Escreva uma descrição convincente, destaque as joias da vizinhança, o potencial para atualizações e os pontos de venda exclusivos que fazem sua casa se destacar da multidão. Não liste apenas os recursos, pinte um quadro!

5- Ofereça extras suculentos:

Os créditos de custos de fechamento podem ser a cereja do bolo de sua oferta. Contribua com uma parte para tornar sua oferta ainda mais saborosa para os compradores. 

Considere garantias pré-pagas de eletrodomésticos, uma inspeção preventiva da casa, ou até o seguro residencial no primeiro ano. Quem não gosta de “brindes”? 

Aqui, o timing é fundamental: anunciar estrategicamente durante as épocas de menor movimento pode incentivar ofertas rápidas com extras irresistíveis.

6- Seja um ninja da negociação:

Saiba exatamente qual o valor mínimo que você pode aceitar pela sua casa, esse é seu piso de preço inegociável. Pratique suas contrapropostas como um ninja, destacando os fatores de diferenciação e os pontos de venda exclusivos de sua casa. Esteja aberto a pequenas concessões em datas de fechamento ou pequenos reparos, mas mantenha-se firme em seu valor principal. 

7- Encontre um corretor que seja seu sidekick: 

A escolha de um bom corretor de imóveis não vai ser a mesma para todo mundo e nem todos os corretores são criados da mesma forma. Escolha um especialista local com um histórico comprovado e uma rede de compradores ansiosos. Você precisa que ele seja seu sidekick, sabe? O Robin para o seu Batman, o Sancho Pança para o seu Dom Quixote. 

A comunicação é fundamental – encontre alguém que ouça suas necessidades, mantenha-o informado e defenda ferozmente seus interesses. Pense nele como um sócio, um parceiro e exija que ele esteja na mesma página que você. 

8 Seja paciente: 

Sabemos que é mais fácil falar do que realmente ser paciente, principalmente quando o dinheiro recebido na sua venda já tem destinação certa. No entanto, vender uma casa pode levar tempo e é vital não desanimar com um início lento. Mantenha uma atitude positiva – seu entusiasmo é contagiante! Confie no processo, mantenha sua casa brilhante e lembre-se: você consegue! Com a estratégia certa e um pouco de paciência, você estará comemorando uma venda que deixará seus vizinhos sem palavras (e talvez um pouco verdes de inveja).

Não se esqueça do seguro residencial

Se você vai vender a sua casa, você sabe exatamente o quanto ela vale para você e o quanto de sangue, suor e lágrimas você investiu no imóvel. Agora, mais do que nunca, você precisa proteger cada centavo do seu investimento. 

Se você vai continuar morando na casa enquanto ela estiver no mercado, não deixe de fazer (ou de manter) um Homeowners Insurance. Se você vai deixar a casa vazia, você precisa de um seguro específico, já que o seguro residencial padrão, só cobre casas habitadas. 

Converse ainda hoje com um especialista em seguros da BRZ e descubra a melhor forma de proteger a sua mina de ouro.

Conheça nosso seguro de Casa

Seguro de Casa

Posts relacionados

>9 dicas de manutenção de primavera para a sua casa 
9 dicas de manutenção de primavera para a sua casa 

Quando o inverno vai embora, é hora de verificar se há danos em sua casa e fazer os reparos necessários, e preparar sua casa e jardim durante a primavera para o verão.

>Tudo o que você precisa saber sobre Homeowners Insurance
Tudo o que você precisa saber sobre Homeowners Insurance

Saiba tudo sobre Homeowners Insurance e como ele pode proteger o seu sonho de casa própria e sua família na terra do Tio Sam.

>Como o seguro de apartamento protege o seu cantinho nos EUA?
Como o seguro de apartamento protege o seu cantinho nos EUA?

O seguro de apartamento protege unidades dentro de um condomínio e ainda oferece coberturas extras para garantir que tudo que é seu esteja protegido.

\

Vem pra nossa comunidade

Somos uma seguradora feita de pessoas para pessoas. Uma comunidade que fala a mesma língua, de gente de olho no futuro. Um lugar feito pra você se sentir em casa, com toda a proteção e cuidado que um lar oferece. Pode chegar.

Simulação Rápida

Precisa de ajuda? Chama a BRZ!

x