Conheça nosso Seguro Auto

Faça uma simulação

x

O barato que sai caro na hora de contratar o seu Seguro de Carro

Proteja o seu patrimônio com a seriedade que ele merece! Em 49 dos 50 estados nos EUA, o seguro auto é obrigatório, e sua importância não pode ser subestimada. Com uma infinidade de opções disponíveis, vai ter sempre um amigo para dar palpite, aquele mesmo amigo que recomendou um “seguro de casa baratinho” certamente terá sugestões para proteger o seu carro. Descubra a melhor forma de garantir a segurança do seu carro e a tranquilidade que você merece.

É comum que a nossa tendência seja apostar no seguro mais barato, afinal, na vida do imigrante, cada centavo conta. Mas não se engane,mas existem diversos motivos para um seguro ser mais barato ou mais caro que o outro, e muitas vezes, é melhor nem saber. Por exemplo, seSe o valor de uma operadora de seguros está muito abaixo da média do mercado, é bem provável que você esteja pagando menos, mas por menos seguros. 

Por ser obrigatório, muita gente contrata apenas o seguro de carro que a lei exige, só o suficiente para fugir de multas, porém, se o seu seguro mínimo não for suficiente para cobrir o seu sinistro, o custo continua saindo do seu bolso, portanto, que tal se proteger melhor? 

Veja abaixo os erros mais comuns, feitos na intenção de para economizar na hora de contratar o seu seguro, que podem te fazer pagar caro na hora do sufoco:

1- Fazer apenas o seguro mínimo exigido

A necessidade de encontrar um valor que caiba no seu orçamento é perfeitamente compreensível, mas focar apenas no preço e não dar atenção suficiente às coberturas das apólices pode ser uma bela cilada. 

Em quase 100% dos casos, a cobertura mínima está longe de ser suficiente. O que geralmente é exigido é a cobertura de responsabilidade (liability), que não existe para proteger você, mas sim para proteger a outra pessoa envolvida no acidente causado por você.

Ter como pagar o atendimento médico de uma vítima e o conserto de um bem que não lhe pertence é realmente um alívio, porém, você vai pagar um seguro e sair sem proteção??

Até mesmo os limites de responsabilidade exigidos por lei são baixos, e em um processo judicial podem ser insuficientes para cobrir os custos do processo e as indenizações definidas e adivinha quem vai ter que bancar o valor restante? Isso mesmo, você! Você é o responsável pelos custos com seguro ou sem seguro. Proteja-se!

2- Não fazer uma comparação precisa das coberturas

É claro que você deve pedir várias cotações e compará-las para decidir o melhor custo benefício para você. Porém, tenha certeza que as comparações sejam feitas corretamente. Analise cada componente da apólice separadamente e certifique-se de que cada cotação tenha o mesmo nível de franquia e cobertura para cada elemento.

Toda apólice deve ter responsabilidade por lesões corporais, responsabilidade por danos materiais e cobertura para motoristas sem seguro ou com seguro insuficiente.

A maioria das operadoras de seguros agora oferecem coberturas mais completas e variadas que precisam ser consideradas. Assim como um bom corretor fará, você precisa contar com as taxas de roubos e assaltos na região em que você mora e na que você trabalha, considerar os riscos de desastres naturais, como inundações ou ventanias que possam derrubar árvores no seu capô. 

Se você dirige um veículo caro, é bom considerar optar pela cobertura de colisão e abrangente. Caso contrário, você corre o risco de grandes perdas financeiras em caso de sinistro.

3- Franquias altas, prêmios baixos

Franquias são a quantia de dinheiro que você tem que pagar por uma perda antes que sua companhia de seguros comece a pagar uma indenização, de acordo com os termos de sua apólice. Quanto maior a sua franquia, mais você pode economizar no valor do seu prêmio. 

Porém, isso tem que ser uma decisão consciente, já que a franquia mais alta vai bater na sua porta na hora do sufoco. Faça as suas contas e verifique quanto você pode pagar agora e quanto você consegue bancar caso ocorra um sinistro. 

Isso é uma decisão pessoal, claro, porém, algumas corretoras de seguro podem tomar essa decisão por você sem te comunicar. Mais uma vez, reforçamos: esteja atento a todas as informações da sua apólice.

Na BRZ você é orientado pelos melhores especialistas do mercado e você não sai sem saber exatamente o que está contratando.

Faça uma simulação do seu seguro!

4- Usar o seguro auto pessoal em um carro usado para o trabalho

Você usa o seu carro para trabalhar? Certos usos como transporte de funcionários, transporte de equipamentos, ou mesmo entregas, não são cobertos pelo seu seguro de carro pessoal. 

Portanto, você não vai querer ficar na mão na hora do aperto e descobrir que vai ter que pagar do seu bolso os custos de um processo ou despesas médicas da vítima de um acidente ocorrido enquanto dirigia para algum aplicativo, fazia entregas ou transportava seus equipamentos a caminho do próximo cliente.  

Acidentes durante atividades comerciais só são cobertos por seguros comerciais. Uma boa regra prática é considerar se o veículo está sendo operado para atividades diretamente relacionadas ao trabalho.

Se for, provavelmente você precisará de seguro auto comercial. 

Fique tranquilo, conduzir um veículo para ir e voltar do trabalho não constitui atividade comercial. Nesse caso, é o seguro auto pessoal que atua mesmo. 

Na dúvida, leia o nosso artigo sobre isso, converse com seu especialista de seguros, se oriente, mas não corra o risco de ficar com o prejuízo por mau uso do seguro do seu carro. 

5- Falhar em comunicar uma mudança de endereço para a seguradora 

Se você mudou de casa, não se esqueça de informar a sua seguradora. Logo de cara, você pode perder a sua cobertura em caso de sinistro, acabar ficando com o prejuízo e até ser responsabilizado criminalmente. 

Você pode deixar de receber avisos de renovação e outras notificações importantes enviadas pelo correio e ter o seu seguro cancelado. Caso você seja pego dirigindo sem seguro, você recebe uma multa e um registro na carteira de motorista, o que afeta o valor do seu seguro no futuro. 

Seja transparente e honesto com sua seguradora. É sempre a melhor e mais econômica conduta.

Mentira para a seguradora pode parecer tarefa fácil, mas as consequências são gravíssimas, não se arrisque. Conheça as 5 principais razões para não mentir para uma seguradora.

6- Não considerar os desastres naturais

Com as mudanças climáticas e o aumento do nível do mar, as enchentes e inundações têm se tornado cada vez mais frequentes, além dos incêndios, tornados e terremotos, que sempre foram um desafio a enfrentar. 

Já não basta todo o caos causado, ainda precisamos lidar com nossos próprios prejuízos. Uma apólice básica de seguro auto não costuma vir com a cobertura abrangente (comprehensive) e é justamente ela que pode cuidar do seu carro, caso ele seja atingido por uma inundação

Conheça as condições, riscos e previsões para a sua região. Se proteja dos seus riscos e se mantenha sem prejuízos ou grandes e inesperadas perdas. 

Na BRZ priorizamos a sua proteção

Nós da BRZ entendemos perfeitamente a busca por formas mais baratas de viver nos EUA e encorajamos as iniciativas de economizar em custos fixos, como o seu seguro. Porém, existem as economias reais e as armadilhas que te fazem economizar agora, mas podem causar um rombo no seu orçamento no futuro.

Aqui na BRZ estamos determinados em priorizar a sua segurança, a segurança dos seus bens e a segurança do seu bolso, buscando sempre garantir as melhores coberturas adequadas à sua realidade. Sem letras miúdas, sem pegadinha. 

Procure provedores confiáveis que te falem a verdade e te mostrem cada detalhe do que você está contratando. Saiba cada letra da sua apólice e entenda todos os seus direitos. E lembre-se sempre: o barato pode sair caro!

Conheça nosso Seguro Auto

Faça uma simulação

Posts relacionados

>Como solicitar seu histórico de direção no RMV de Massachusetts?
Como solicitar seu histórico de direção no RMV de Massachusetts?

Você sabe o que é um histórico de direção? Saiba como é usado e como você pode solicitar o seu no site do RMV de Massachusetts.

>Por que o seguro de carro está mais caro em 2024?
Por que o seguro de carro está mais caro em 2024?

O seguro de carro está mais caro em 2024. Reunimos os motivos para esta alta e algumas dicas para você economizar e continuar protegido como sempre.

>Como fazer manutenção de primavera no seu carro?
Como fazer manutenção de primavera no seu carro?

A manutenção de primavera do seu carro é uma boa maneira de se lembrar todo ano de dar ao seu carro aquele cuidado extra de que ele precisa

\

Vem pra nossa comunidade

Somos uma seguradora feita de pessoas para pessoas. Uma comunidade que fala a mesma língua, de gente de olho no futuro. Um lugar feito pra você se sentir em casa, com toda a proteção e cuidado que um lar oferece. Pode chegar.

Simulação Rápida

Precisa de ajuda? Chama a BRZ!

x